COMPARTILHAR

Fonte: Gazeta do Povo

A vida do russo Roman Valerevich Selezne poderia ser um filme dirigido por Martin Scorsese e com Leonardo DiCaprio no papel principal. Nascido em uma comunidade pobre no extremo leste de seu país, ainda na infância, ele foi torturado por horas durante um assalto. Aos 17, viu sua mãe morrer devido ao abuso de álcool. Já adulto, em 2011, ao tentar reencontrar o pai em Marrocos, teve parte do crânio arrebentado por uma bomba em um ataque terrorista em Marrakesh – 20 pessoas morreram. Nos intervalos das tragédias de sua vida, juntou milhões de dólares roubando, usando e vendendo dados de cartão de crédito em ataques virtuais, capturando essas informações por sites falsos que criava. Ele criou um dos mais proeminentes sites para esse tipo de transação ilegal, movimentando cifras bilionárias. Um detalhe, ele começou fazer tudo isso já aos 10 anos. Aos 30 anos, em 2014, finalmente foi preso, mas não sem antes deixar uma perigosa legião de fãs.

 Leia a matéria completa clicando aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe o seu comentário
Por favor, insira o seu nome