COMPARTILHAR

Fonte: Valor Econômico

Uma agência da União Europeia que regula direitos à privacidade pode multar o Facebook até US$ 1,63 bilhão por uma violação de dados anunciada na última sexta-feira, em que hackers comprometeram as contas de mais de 50 milhões de usuários, caso os reguladores considerem que a empresa violou a nova lei de privacidade. A Comissão de Proteção de Dados, da Irlanda, que é a principal reguladora de privacidade do Facebook na Europa, disse no sábado que exigiu mais informações da empresa sobre a natureza e a escala da violação, incluindo quais moradores da UE podem ser afetados.

Em um comunicado por e-mail, o regulador disse estar “preocupado com o fato de que essa violação foi descoberta na terça-feira e afeta milhões de contas de usuários, mas o Facebook não consegue esclarecer a natureza da violação e o risco para os usuários neste momento”.

Uma porta-voz do Facebook disse neste domingo que a empresa responderá às perguntas e manterá os reguladores informados sobre novos desenvolvimentos.

Clique aqui e leia a matéria completa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe o seu comentário
Por favor, insira o seu nome