COMPARTILHAR

Fonte: O Globo

Especialistas elogiam questionamento e negam que ele tenha viés político

RIO — Mais de quatro milhões de pessoas tiveram que escrever este domingo sobre a “manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”. A proposta, tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), foi interpretada por alguns candidatos como tendo “viés político”.

Para a estudante Thais Marques, 19 anos, de Manaus, “a internet não controla ninguém”:

— Cada um tem seu pensamento — afirma a candidata, que pretende cursar Farmácia. — Nessas eleições, muito se falou em fake news e da possível influência das notícias falsas no resultado. Eu penso que não foi bem assim.

O professor do Colégio e Curso Bionatus Raphael Torres nega que o cenário político tenha influenciado a escolha do tema da redação:

— Os alunos deveriam fazer um texto sobre manipulação e controle de dados. Poderiam falar a partir de viés político, mas também tinham a opção de escrever sobre consumo, comportamento — diz ele. — Devido à proporção do Enem e à logística necessária para realizá-lo, a prova já estava confeccionada há meses, não foi influenciada pelos rumos da campanha presidencial.

Clique aqui e leia a matéria completa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe o seu comentário
Por favor, insira o seu nome