COMPARTILHAR

Vivemos em mundo hiperconectado, com o constante compartilhamento dos nossos dados pessoais on-line e off-line. Isso pode ser positivo, por nos permitir usufruir de serviços e produtos mais customizados, de acordo com o nosso perfil.

Você já pensou que aquele app somente consegue apontar as melhores rotas para fugir do trânsito, porque todos os usuários estão compartilhando seus dados em tempo real? Ou ainda, que o motorista consegue te encontrar exatamente no local em que você está, porque você compartilhou sua geolocalização? E que aquela plataforma de streaming sempre recomenda para assistir as séries e filmes que você mais gosta?

O problema surge quando esses dados são utilizados por pessoas não autorizadas, para finalidades não legítimas, como por exemplo, terceiros mal intencionados que usam dados pessoais para praticar os mais diversos tipos de fraude.

Para endereçar essa e outras questões, foi aprovada a Lei Geral de Proteção de Dados (#LGPD), que traz novas exigências que buscam fortalecer relações de transparência e confiança entre os agentes de tratamento de dados e os seus titulares, abrindo espaço para novas oportunidades de negócios e novas abordagens!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe o seu comentário
Por favor, insira o seu nome